Refletindo e desabafando…

Eu já fiz um post desabafo aqui no blog e também já postei um texto que recebi e achei lindo. Eu leio tanta coisa boa, tanta coisa linda e resolvi compartilhar mais com vocês.
A vida não tá fácil pra ninguém, cada um com seu probleminha, sua dificuldade, sua batalha… suas dores… O Momento Beauté é um espaço para vocês buscarem informações, novidades, sorteios, bate papo, enfim, só coisas boas!
E porque não um espaço com boas mensagens? A maior parte das meninas que ganham sorteio aqui do blog, me respondem assim “Ai nem acredito que ganhei, muito obrigada. Nossa, tive um dia tão difícil hoje e quando cheguei em casa e vi este e-mail, meu dia melhorou”.
Gente, pra mim é um prazer isso, saber que de alguma forma eu fiz alguém mais feliz, fiz sorrir mais uma vez. Como é bom!
E por tudo isso, volta e meia vou postar umas coisas legais por aqui, para acalmar o coraçãozinho de quem me visita. E eu espeço que vocês gostem!
Já criei o marcador Refletindo e Desabafando e está ali na barra lateral. Inseri ali postagens antigas, mas que se encaixa perfeitamente no assunto.
E para inaugurar esta nova tag aqui do blog, um texto que eu amoooooooooooooo e que tem tudo a ver com o jeito que tenho vivido nos últimos tempos.
Em entrevista dada pelo médico Drauzio Varella, disse ele que a gente tem um nível de exigência absurdo em relação à vida, que queremos que absolutamente tudo dê certo, e que, às vezes, por aborrecimentos mínimos, somos capazes de passar um dia inteiro de cara amarrada.

E aí ele deu um exemplo trivial, que acontece todo dia na vida da gente…

É quando um vizinho estaciona o carro muito encostado ao seu na garagem (ou pode ser na vaga do estacionamento do shopping). Em vez de simplesmente entrar pela outra porta, sair com o carro e tratar da sua vida, você bufa, pragueja, esperneia e estraga o que resta do seu dia.

Eu acho que esta história de dois carros alinhados, impedindo a abertura da porta do motorista, é um bom exemplo do que torna a vida de algumas pessoas melhor, e de outras, pior.

Tem gente que tem a vida muito parecida com a de seus amigos, mas não entende por que eles parecem ser tão mais felizes.

Será que nada dá errado pra eles? Dá aos montes. Só que, para eles, entrar pela porta do lado, uma vez ou outra, não faz a menor diferença.

O que não falta neste mundo é gente que se acha o último biscoito do pacote. Que “audácia” contrariá-los! São aqueles que nunca ouviram falar em saídas de emergência: fincam o pé, compram briga e não deixam barato.

Alguém aí falou em complexo de perseguição? Justamente. O mundo versus eles.

Eu entro muito pela outra porta, e às vezes saio por ela também. É incômodo, tem um freio de mão no meio do caminho, mas é um problema solúvel. E como esse, a maioria dos nossos problemões podem ser resolvidos assim, rapidinho. Basta um telefonema, um e-mail, um pedido de desculpas, um deixar barato.

Eu ando deixando de graça… Pra ser sincero, vinte e quatro horas têm sido pouco prá tudo o que eu tenho que fazer, então não vou perder ainda mais tempo ficando mal-humorado.

Se eu procurar, vou encontrar dezenas de situações irritantes e gente idem; pilhas de pessoas que vão atrasar meu dia. Então eu uso a “porta do lado” e vou tratar do que é importante de fato.

Eis a chave do mistério, a fórmula da felicidade, o elixir do bom humor, a razão por que parece que tão pouca coisa na vida dos outros dá errado.”

Quando os desacertos da vida ameaçarem o seu bom humor, não estrague o seu dia… Use a porta do lado e mantenha a sua harmonia.


Lembre-se, o humor é contagiante – para o bem e para o mal – portanto, sorria, e contagie todos ao seu redor com a sua alegria.
A “Porta do lado” pode ser uma boa entrada ou uma boa saída… Experimente!

Commentários do Facebook

comentários.

7 thoughts on “Refletindo e desabafando…

  1. Amei o post, aliás acho que ainda mais que indiferença, essa situação poderia gerar boas risadas. Tem cada coisa que a gente se estressa quando poderia dar risada… O post me fez refletir, vou tentar rir mais da vida, em vez de ficar irritada. Amei a ideia da tag
    ;***

  2. Maravilhoso o texto… estava precisando refletir mesmo sobre meus momentos impaciente, intolerantes…vc escreve mt bem!!! Adoro seu blog!!! bjs

  3. Nossa, amei *-*
    Muito perfeito esse post, me fez refletir tanto sobre essas pessoinhas chatas que temem em atrapalhar nosso dia.
    Amei, visito sempre seu blog, mas morro de preguiça de comentar :D
    Beijos.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>